22 de setembro de 2018 - sábado

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Ser Do Bem
Voluntariado
28/08/2018 | 09h10
Doar tempo à quem precisa é um ato de amor
Celebrando o Dia Nacional do Voluntariado, o Hugol conta histórias de pessoas que doam tempo aos desconhecidos

Da Redação

Doar seu tempo e dedicação em prol do bem-estar de um desconhecido é um ato de amor à vida e, no dia Nacional do Voluntariado, 28 de agosto, o Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol) narra algumas histórias que destacam o valor dos voluntários que praticam esse ato altruísta para com os usuários da unidade.

João Lucas e João Gabriel Dornelles, irmãos enfermeiros, tornaram-se voluntários no hospital após observarem o esforço da equipe assistencial ao atender familiares e amigos que passaram pela unidade. João Gabriel relatou em depoimento emocionado: “Ser voluntário no HUGOL é sinônimo de gratidão à assistência prestada pelos profissionais multidisciplinares em benefício do povo goiano. Tornei-me voluntário em retribuição às ações prestadas a alguns de meus familiares que foram atendidos de forma humanizada e tratados com dignidade, com base nos princípios de equidade, integralidade e universalidade”. Seu irmão, João Lucas, acrescentou ainda que “o voluntário age com fraternidade e amor, visando promover a cidadania e a paz, respeitando os valores humanos, religiosos e culturais e semeando a alegria e a boa esperança”.

Estudante de psicologia, Aline Rocha comentou que tem um interesse muito grande na área hospitalar e, quando surgiu a oportunidade de se tornar voluntária no HUGOL, ela a abraçou, passando por momentos de grande aprendizado. “Saber que você está ajudando, mesmo que com gestos simples, é muito gratificante. Esse contato humano me abriu novos horizontes e me possibilitou uma evolução pessoal”, relatou a estudante.

De acordo com Dagoberto Barbosa, Gerente Multiprofissional do HUGOL, “o voluntário é parte essencial da unidade, personificando ainda mais o ambiente humanizado que prezamos no hospital. Vê-lo doando seu tempo e esforço inspira todos os profissionais a dar o melhor de si no atendimento aos pacientes”. O Diretor Geral, Hélio Ponciano Trevenzol, complementa ainda que “o fato de pessoas gratas com o atendimento retornarem ao hospital como voluntários, expressa a satisfação deles com o atendimento da unidade, engendrando uma corrente do bem: quem é acolhido de forma humana sente-se imbuído desse sentimento, acolhendo também outras pessoas, aqui ou por onde passar”.

Cerca de 21 voluntários contribuem com o hospital atualmente, nas áreas de prontuário, núcleo epidemiológico, administrativa e recepção. Caso você tenha interesse em doar seu tempo em prol do outro, é preciso passar por uma capacitação no Centro Goiano de Voluntários, com inscrição através do site www.ovg.org.br ou pelos telefones 3201-9707/3201-9711. Havendo disponibilidade de vagas no Hugol, o candidato deve entrar em contato com a unidade e passar por um treinamento introdutório, munido de cópia de documentação oficial com foto e carteira de vacinação atualizada. O voluntário doa até quatro horas por semana nas atividades para as quais foi designado. 

Tópicos:  Voluntário,   Hugol,   Ação

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)