24 de setembro de 2018 - segunda-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Esporte
Títulos
08/04/2018 | 20h32
Estão definidos os principais campeões estaduais de 2018
Domingo de clássicos sacramentou os primeiros detentores de títulos no calendário do futebol brasileiro

Créditos: Ricardo Nogueira/Folhapress

Luiz Felipe Mendes

Em fim de semana recheado de jogos eletrizantes, foram definidos os principais campeões estaduais do Brasil neste ano de 2018. Corinthians, Botafogo, Cruzeiro, Grêmio, Bahia, Atlético Paranaense, Figueirense, Náutico, Remo e Ceará abriram o ano levando uma taça.

Pelo Paulista, um panorama que parecia ótimo para o Palmeiras foi posto abaixo após o Corinthians vencer por 1 a 0 no tempo normal e conquistar o título nos pênaltis, em jogo repleto de polêmicas. Pelo Carioca, o Botafogo marcou aos 49 do 2º tempo e venceu o estadual também nas penalidades. Já o Cruzeiro foi capaz de reverter a vantagem do Atlético e vencer por 2 a 0, consolidando assim o triunfo no Mineiro.

Pelo Gaúcho, a lógica prevaleceu: o Grêmio voltou a vencer o Brasil de Pelotas, desta vez por 3 a 0, e se sagrou campeão. O Bahia bateu o Vitória, agora por 1 a 0, e levou a taça fora de casa. O Atlético Paranaense reverteu o placar do jogo de ida e derrotou o Coritiba por 2 a 0. O Figueirense quebrou a invencibilidade da Chape em casa, venceu por 2 a 0, e ficou com o Catarinense.

Em Pernambuco, o Náutico duelou com o Central - 2 a 1 para os primeiros. No clássico do Pará, o Remo voltou a despachar o Paysandu, por 1 a 0, e ficou com a conquista. Por fim, no Ceará, o Vovô derrotou o Fortaleza por 2 a 1 e começou a temporada com o pé direito.

Tópicos:  paulista,   carioca,   mineiro

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)