Terça-feira, 18 de junho de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Esporte

Oeste vence o Paraná em confronto direto

Postado em: 01-11-2017 as 17h50
Zagueiro do Vila Nova comemora a derrota do último time que compõe o G-4

Aline Carlêto*

Pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o Paraná foi derrotado, em casa, pelo Oeste, adversário direto na luta por uma vaga no grupo que se classifica para a Série A. O jogo aconteceu no estádio Durival Britto, às 21h30 de ontem. O time paulista venceu por 2 a 1 e, agora, soma 55 pontos, um a menos que a equipe paranaense, atual dona da 4ª colocação na tabela.

O resultado animou o Vila Nova que, com 51 pontos, ocupa a 5ª posição no campeonato, e briga pela vaga no G-4. “Tive a felicidade de acompanhar esse jogo ontem. Para nós, foi um resultado bom. A competição é difícil, ninguém imaginava que o Oeste venceria o Paraná jogando lá. A competição é bastante nivelada, não tem nada decidido ainda. Creio que os quatro que vão subir só serão definidos na 38ª rodada. Ontem o resultado foi bom, mas vai ser melhor ainda se fizermos nosso papel em Belém”, falou o zagueiro Alemão.

A equipe goiana vai jogar pela 33ª rodada somente na sexta-feira (03). A partida contra o Paysandu acontecerá no estádio Curuzu, em Belém, às 21h30, horário de Brasília. O time paraense, 11º colocado com 41 pontos, corre risco de rebaixamento. No entanto, isso não significa que os jogadores colorados consideram a partida fácil.

“Não tem jogo fácil. Às vezes acham que a partida será tranquila porque é contra uma equipe que está na parte. Já tivemos jogos no Serra em que tropeçamos quando esperavam que venceríamos com facilidade. Não é assim. Uma equipe pode estar passando por dificuldades, vivendo um mau momento, mas tem jogadores qualificados. O Paysandu tem jogadores que podem decidir partidas. Vai ser um jogo difícil, temos que estar preparados para que possamos conquistar os três pontos”, acrescentou o zagueiro.

(*Aline Carlêto é integrante do programa de estágio do jornal O Hoje)

Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja buscar