Paciente relata maus tratos na UPA - Senador Canedo

Homem, que é analfabeto, errou sala na unidade de saúde e foi mal recebido pelo médico
Elvis Marques
Em 24/06/2013, 15:52

Após um acidente de motocicleta, Jucelino da Silva Nascimento, de 32 anos, procurou atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Senador Canedo, por volta das 17 horas de ontem, mas, segundo a irmã, ele foi mal atendido pelos funcionários do local e expulso.

De acordo com Lucélia Silva, irmã de Jucelino, o irmão, que é analfabeto, foi encaminhado para o atendimento em uma determinada sala, entretanto, o paciente errou de sala e foi destratado pelo médico.  

Após a discussão com o médico, Jucelino foi expulso da unidade de saúde pelos seguranças, e só recebeu os cuidados médicos para a mão lesionada nessa manhã de segunda-feira (24), informou a Lucélia.

O diretor da UPA, Fernando Pellozo, afirmou que ainda não teve conhecimento do caso, mas nos seis meses de funcionamento do local existe uma preocupação com a qualidade do atendimento. “Tivemos quatro dias de reuniões com funcionários de todos os departamentos para discussões sobre a qualidade do atendimento. Além disso, estamos esperando um curso de humanização do atendimento que será ministrado pelo Ministério da Saúde”.


EDIÇÃO DIGITAL


Ed. 2422 de 25/06/13





TWEETS @JORNALOHOJE


© 2012 - Jornal O Hoje - Todos os direitos reservados.
Reprodução parcial permitida desde que citada a fonte.
Home | Anuncie | Fale Conosco