19 de novembro de 2018 - segunda-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Coluna
Xadrez
Rubens Salomão
Eleições
28/05/2018 | 06h00
Meirelles cria mote da pré-campanha presidencial em redes sociais
O Brasil do tamanho dos nossos sonhos

Poucos dias depois de ser oficializado como pré-candidato à Presidência da República pelo MDB, saiu a campo em busca de voto e apoio. Começou o processo pelas redes sociais, onde até já escolheu o slogan: O Brasil do tamanho dos nossos sonhos. Sai de cena o Meirelles sisudo, por conta da liturgia do cargo, para aparecer nas redes sociais um sorridente ex-ministro da Fazenda, onde um narrador conta um pouco da história dele, em três minutos. De início, o vídeo mostra uma placa em que aparece o nome da cidade de Anápolis, onde ele nasceu. Destaca que da escola pública, em Goiás, estudou numa renomada universidade nos Estados Unidos para, em seguida, comandar uma prestigiosa instituição financeira americana. Depois, dirigiu o Banco Central brasileiro, a convite de Lula. Depois atendeu ao pedido de Dilma Rousseff para presidir o Conselho Público Olímpico. 

Recado dado

Mas, ao fazer o seu “comercial”, Meirelles manda recado a dois adversários que lideram as pesquisas eleitorais: Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PSL), ao dizer que o Brasil não precisa agora de mais tensão nem aposta, mas de atenção e experiência.


Retaliação

Mas a vida do ex-ministro, no MDB, não é só tranqüilidade. Ele tem o apoio do presidente Michel Temer, mas enfrenta resistência por parte de Roberto Requião, do Paraná; Renan Calheiros, de Alagoas; e do presidente do Senado, Eunício Oliveira, do Ceará. 


Caminhoneiros ofuscam Lula 

Por essa o PT não esperava. Os holofotes da imprensa não se voltaram, neste domingo, para o lançamento oficial da pré-candidatura de Lula à Presidência da República. O protesto dos caminhoneiros dominou o noticiário nas TVs e nos sites dos órgãos da imprensa país a fora. Mas esse fato parece não ter atingido o ânimo do deputado federal petista Rubens Otoni. “Hoje lançamos em mais de 20 cidades de Goiás a pré-candidatura do presidente Lula, que segue preso e condenado sem provas”. O ex-presidente está, há 51 dias, na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba (PR), condenado por crime de corrupção e lavagem de dinheiro. Para Otoni, é importante “que nos esforcemos em enfrentar os desafios que acometem nossa sociedade, com seriedade e disposição de construir um futuro mais promissor para Goiás e para o Brasil”. 


Curtas

Título - Por iniciativa da deputada Eliane Pinheiro (PSDB), o ministro da Saúde Gilberto Occhi, ligado ao PP, vai receber título de cidadão goiano.

Cartão - A Câmara de Goiânia está analisando projeto de Anselmo Pereira (PSDB) que prevê o recebimento de receitas e tributos da prefeitura, por meio de cartão de crédito e débito.

Violência – Amanhã, o tema mortalidade materna e violência obstétrica será debatido em roda de conversa, promovida pela Câmara de Goiânia, na Faculdade Estácio de Sá.

 

Visita providencial

Por conta do arquivamento do projeto que trata do regime previdenciário dos servidores municipais, pela CCJ da Câmara de Goiânia, o prefeito Iris Rezende vai aproveitar a apresentação de contas do último quadrimestre que ele fará hoje para conversar com os vereadores. A intenção é convencê-los a voltar atrás, pela importância da matéria para o equilíbrio fiscal do município.


Frente a frente

Adversários na disputa por uma das duas vagas ao Senado na chapa governista, a senadora Lúcia Vânia (PSB) e o procurador de Justiça Demóstenes Torres (PTB), se encontram, ontem, durante encontro do governador José Eliton (PSDB) com prefeitos da região Oeste do Estado, em Jaupaci. Mostraram civilidade e cordialidade, mas não posaram juntos para foto oficial.


Reclusão

A tomada de decisão dos deputados estaduais Francisco Júnior, Lucas Calil e Simeyzon Silveira, e do federal Thiago Peixoto, todos do PSD, de apoio à pré-candidatura à reeleição do governador José Eliton (PSDB) impôs “toque de recolher” ao presidente da legenda, Vilmar Rocha. O ex-secretário de Meio Ambiente ainda mantém postura crítica ao tucano. Não se sabe por quanto tempo.


Engajamento

Ainda não se sabe se o protesto dos caminhoneiros por combustíveis mais baratos vai se igualar ao ocorrido em junho de 2013, conhecido como manifestação dos 20 centavos. Naquela época, a cobrança por tarifas mais baratas no transporte coletivo ganhou força e envolveu grande parcela da sociedade.


Na praça

Há uma mobilização, pelas redes sociais, para manifestação hoje em várias capitais. Em Goiânia, o protesto vai acontecer na Praça Tamandaré. Os organizadores não querem bandeiras de partidos no ato. Mas deve aparecer por lá alguma legenda oportunista.

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)
Warning: file_get_contents(/var/www/html/portal/public/json/maislidas.json): failed to open stream: No such file or directory in /var/www/html/portal/application/controllers/ColunaController.php on line 167 Warning: file_get_contents(/var/www/html/portal/public/json/blogs.json): failed to open stream: No such file or directory in /var/www/html/portal/application/controllers/ColunaController.php on line 202 Warning: file_get_contents(/var/www/html/portal/public/json/colunas.json): failed to open stream: No such file or directory in /var/www/html/portal/application/controllers/ColunaController.php on line 208